Conceitos de Hipertexto

"um tipo de texto electrónico, uma tecnologia informática radicalmente nova e, ao mesmo tempo, um modo de edição" TOMÉ, Irene, A Nova Sociedade Tecnológica, Editorial Notícias, p.39

 

"uma escrita não sequencial, um texto que bifurca, que permite que seja o leitor a eleger o melhor ecrã interactivo. De acordo com a noção popular, trata-se de uma série de blocos de texto conectados entre si por nós, que formam diferentes itinerários para o utilizador." NELSON, Theodore, Literary machines, Swarthmore, Pa, edição de autor, 1981

 

“Hipertexto consiste nos tópicos e nas suas ligações, os tópicos podem ser parágrafos, frases, expressões ou simples palavras. Um hipertexto é como um livro impresso no qual o autor tem disponíveis um par de tesouras para cortar e colar pedaços de outros textos, de tamanho conveniente. A diferença é que um hipertexto electrónico não se dissolve num desordenado conjunto de anotações, o autor define a sua estrutura na forma como cria as ligações entre essas anotações”. Bolter, J. (1991), Writing Space: The Computer, Hypertext, and the History of Writing, Lawrence Erlbaum Associates.

 

"são janelas, num ecrã, que são associadas a objectos numa base de dados e links criados entre esses objectos, tanto gráficamente (ícones etiquetados) como na base de dados (apontadores)" Conklin, J. (1987), Hypertext: An Introduction and Survey. IEEE Computer.

 

"Hipertexto, no seu nível mais básico, é um manipulador de bases de dados, que permite ligar páginas informativas usando links que os associam. Num nível mais alargado, hipertexto é um ambiente de software em que se realiza trabalho colaborativo, comunicação, e aquisição de conhecimentos. As características deste software estimulam o cérebro para armazenar e recuperar informação, fazendo uso de links para um acesso rápido e intuitivo". Fiderio, J. (1988), A Grand Vision--Hypertext mimics the brain's ability to access information quickly and intuitively by reference. Byte Magazine, Vol. 13, Nº 10. October 1988

 

"hipertexto é uma forma diferente de literatura em que o uso do computador transcende a linearidade, os limites e as qualidades da tradicional forma de escrita de textos” Landow, G., Delany, P. (1991), Hypermedia and Literary Studies. Cambridge: Massachusetts Institute of Technology Press.

 

“O termo hipertexto relaciona-se com o termo «espaço hiperbólico», devido ao matemático Klein, no século XIX. Klein utilizou o termo hiperespaço para descrever uma geometria de muitas dimensões; por isto, pode-se deduzir que hipertexto é um texto multidimensional, considerando-se o texto como uma estrutura unidimensional". Rada, R. (1991), Hypertext: from text to expertext. McGraw-Hill.

 

"Tecnicamente, um hipertexto é um conjunto de nós conectados pelas ligações. Os nós podem ser palavras, páginas, imagens, gráficos ou partes de gráficos, sequências sonoras, documentos complexos que podem ser, eles próprios, hipertextos.
Os itens de informação não estão ligados linearmente, como numa corda com nós: cada um deles, ou a maior parte estende as suas ligações em estrela, de modo reticular".

Lévy, P. (1994), As Tecnologias da Inteligência. O Futuro do Pensamento na Era Informática. Lx: Instituto Jean Piaget.

exemplo de representação:

Diferença entre estrutura de Texto e estrutura de Hipertexto 

Do Texto ao Hipertexto: uma longa história...

Aplicações no Processo Ensino-Aprendizagem

Voltar